MENU+
PRÓXIMA Filmes que você não pode deixar de assistir com as crianças ANTERIOR Filmes que você não pode deixar de assistir com as crianças

A tendência do Flat design e duas ilustradoras incríveis

publicado em: 23/01/2014

Quem é do design já está acostumado com o termo “flat”. Depois do Windows mobile e da nova versão do sistema operacional da Apple, o iOS, não ficou dúvidas de que esse novo estilo é bem forte e veio pra ficar.

Mas antes de qualquer coisa, vamos às definições. O que é um flat design? É um estilo que se utiliza de formas básicas e geométricas, sem sombra ou variação de cor e paleta de cores reduzidas para criar ilustrações simples, porém harmônicas.

O “flat” não está presente apenas no design, mas na ilustração esse é um segmento muito forte, também. Ao contrário do design, que abraça o conceito flat como novidade (depois de orgias de degradês e sombras dos anos 90), na ilustração isso não é nenhuma novidade. Os cartoons dos anos 60 são uma versão super bem resolvida de ilustrações flat por conta das limitações de impressão da época, que deixava poucas variações de cores e formas/sombras a serem exploradas.

Eu arrisco dizer que esse é o meu estilo preferido e com o tempo venho percebendo, em minhas pesquisas, que esse é o estilo recorrente entre as referências que eu acho mais interessantes. Separei duas ilustradoras que são, além de lindas, ótimos exemplos de como a forma é poderosa, e junto com a cor podemos fazer praticamente tudo, brincando com o positivo/negativo das formas e não formas (quem estudou gestalt na faculdade vai saber do que estou falando).

 

Karolin Schnoor, alemã residente em Londres e ilustradora freelancer é muito habilidosa com o jogo de espaços positivo/negativo e explora patterns com maestria. As áreas de cores chapadas são muito bem balanceadas com áreas de estampas (normalmente florais ou listras). O trabalho dela é simples, delicado, mas muito bem elaborado e característico. Veja mais de suas ilustrações lindas em seu portfolio: http://www.karolinschnoor.co.uk/.

 

 

Debbie Powell, inglesa, também utiliza do flat, porém o traço dela é mais livre, gestual e infantil, mas nem por isso menos lindo. Sua paleta tem cores mais vivas e seu traço é mais “sujinho” e divertido. Tem clientes como Jamie Oliver e Penguin. #invejinhabranca Mais da moça em seu portfolio: http://debbiepowell.net/.

 

Essas duas moças bonitas me fazem acreditar cada vez mais no conceito de menos é mais. Poucos traços, muitas áreas coloridas e exploração do negativo/positivo. No design, isso já funciona muito bem pra mim e tenho tentado incorporar cada vez mais nas minhas ilustrações. Dominem as cores, que vocês vão dominar o mundo! #fikdik

 

categorias : Arte / Design
Brunna Mancuso
Brunna é estudante de artes visuais, designer gráfica & ilustradora. Tem uma família composta por filho-felino-adorável e namorado-game-addicted. Adora fazer coisas bonitas, coleciona livros, sonha em viver de seus desenhos e viajar o mundo. Viciada em café, listras e cinema. É clichê e adoraria ser paga para passar o dia no Pinterest.

Deixe o seu comentário


0 Comentários
Não há comentários.